Empreendedorismo Inovação

Começar o ano com impacto positivo

No dia 12 de janeiro de 2019, este blog comemorou um ano de vida. E tal acontecimento mereceu a devida celebração com um evento muito especial.

By

No dia 12 de janeiro de 2019, este blog comemorou um ano de vida. E tal acontecimento mereceu a devida celebração com um evento designado de “12 motivos para comemorar“.

Durante 2h30, 6 oradores dinamizaram a sessão em conjunto com a pessoa que vos escreve.

Após 12 meses de atividade o balanço é positivo, ainda que pudesse ser bem melhor. Considero que este projeto foi lançado em boa hora mas precisa de ir mais além. Mais do que a vontade e a intenção é preciso realizar atividades de forma consistente. E é isso que proponho para este ano.

O evento de 12 de janeiro de 2019

Desde logo, foi uma grande aventura, na chegada ao espaço onde teria lugar o evento de comemoração do 1º Aniversário do blog, no espaço de cowork no Lx Factory – NOW. Por incrível que pareça, a porta da sala teimou em não abrir para dar lugar ao evento, como se de um ataque à perfeição (do planeamento e programação) se tratasse. Mas a perseverança ganhou nesse dia, como prova de que não controlamos tudo e que o inesperado acontece e é preciso ser criativo a arranjar soluções rápidas perante as adversidades. Este será para sempre lembrado como o evento da rebarbadora. 😀 Quem lá esteve sabe do que escrevo.

Teste inicial superado e a sessão prosseguiu com o alinhamento previsto com Vera Borges a dar o mote para as intervenções dos convidados: Rita Pelica, Fernanda Freitas, José Damião, Joana Glória, Sofia Castro Fernandes e Nuno Santos.

Os convidados falaram das suas experiências enquanto empreendedores e das suas histórias pessoais e dos projetos que acompanham e vivenciam, como forma de partilha do que está a acontecer e do que é necessário para prosseguir com os projetos em que acreditamos.

Rita Pelica estreou o palco e apresentou o empreendedorismo como uma escolha e falou dos 5 Is do Intraempreendedorismo (Imaginação, Intenção, Informação, Implementação, Inovação) e todos nós temos de ser Intraempreendedores, na organização que é a nossa vida! Falou também da importância da rede e das pessoas que temos à nossa volta e se “somos a média das 5 pessoas com quem nos relacionamos mais, então é melhor estarmos perto dos melhores”.

Fernanda Freitas, de forma bem-disposta, apresentou à audiência um pouco do seu percurso e experiência, não só na área de comunicação mas também de empreendedorismo social, falando da Associação a que preside – Nuvem Vitória. Abordou aspetos essenciais inerentes ao empreendedorismo e inovação social. Uma das frases marcantes é “quem quer arranja forma, quem não quer arranja desculpas”.

José Damião apresentou o panorama do empreendedorismo em Lisboa, como principal hub de Portugal e focou algumas iniciativas importantes e bem sucedidas na área. Passou em revista algumas áreas de destaque do empreendedorismo e terminou com mensagens importantes a reter para quem se aventura no mundo empreendedor.

Joana Glória, falou-nos um pouco de si, do seu percurso enquanto empreendedora e do projeto que está prestes a lançar e de como a sua história a conduziu até à criação do “Eat at a Local’s“. Deixou-nos a mensagem de que devemos abraçar os nossos projetos com convicção e paixão.

Sofia Castro Fernandes falou-nos da sua história de uma forma honesta, entusiasta e com mensagens para descomplicar e abandonar tudo o que nos faz mal. Contou-nos como surgiu o blog As nove, a origem do nome e de como surgiram os livros de que é autora. A audiência ficou rendida ao Storytelling.

Nuno Santos, falou-nos do desafio que a vida lhe apresentou mas como enfrentou de frente um cancro durante anos, levando à decisão de amputar a perna para ganhar qualidade de vida. Uma história verdadeiramente transformadora e que nos mostra que devemos deixar-nos de desculpas e que há sempre forma de lidar com os problemas (por muito grandes que possam ser), desde que tenhamos a atitude certa e não nos deixemos derrotar.

O objetivo desta sessão era o de comemorar o que passou no ano que passou mas também o que está para vir e fazer acontecer. A ideia subjacente à realização deste evento era o de inspirar e energizar a plateia. Posso dizer que os objetivos e expectativas foram mais do que superados. E isso dá-me um grande satisfação e ânimo para este ano e para tudo o que aí vem.

A audiência de cerca de 40 pessoas estava ávida de curiosidade, interesse e receptiva a acolher a inspiração e mensagens mobilizadoras da sessão. No final, foi colocado o desafio de pensar no medo a ultrapassar em 2019. Este foi o resultado.

Medo a ultrapassar em 2019

Acompanhem os próximos passos.

Próximas iniciativas de 2019

A cada dia 12 do mês haverá uma nova iniciativa, com o objetivo de gerar conversa à volta dos temas essenciais do empreendedorismo e inovação.

Curiosos com o que aí vem? Então acompanhem as redes sociais Facebook, Instagram e Twitter para ficarem a par dos próximos acontecimentos.

E desse lado, já definiu bem o que quer para este ano?

You may also like

%d bloggers like this: